DESCONTROLE EMOCIONAL

 DESCONTROLE EMOCIONAL

Todos nós já passamos por algum momento de descontrole emocional, em que reagimos de forma exagerada a um pequeno imprevisto. Muitas pessoas passam por esse tipo de situação várias vezes no dia, perdendo o controle de suas emoções. Muitas pessoas são conhecidas por sua “personalidade forte”. 



Essas pessoas costumam ter reações exageradas, são impacientes e encontram motivos para discutir o tempo todo, geralmente quando estamos perto de uma pessoa assim, acabamos sentindo receio de dizer qualquer coisa, porque tudo pode ser um motivo para explodirem.

O desequilíbrio emocional é caracterizado pelas alterações de humor diante de acontecimentos negativos e imprevistos. As responsabilidades diárias, a sobrecarga profissional, os relacionamentos amorosos, as frustrações e a necessidade de se adequar aos padrões da sociedade são alguns fatores que podem potencializar o desequilíbrio emocional. As emoções estão presentes em todas as situações da vida e podem fazer com que se porte de maneira inadequada e tenha prejuízos em sua saúde e em seus relacionamentos.

Comece avaliar seu comportamento. Como você tem reagido às situações do dia a dia? De forma tranquila, ou surpreendendo as pessoas, causando-lhes espanto? Normalmente, quem vive esse descontrole emocional não percebe o que faz. Geralmente uma pessoa com descontrole emocional pode apresentar uma reação emocional com agressividade física ou verbal, e essa reação impulsiva e explosiva está diretamente ligada a incapacidade de gerenciar seus impulsos agressivos, tudo acontece de repente, é uma explosão de sentimentos agressivos que surgem sem dar sinal e sem avisar.



Em nosso dia a dia, convivemos com inúmeros problemas e das mais variadas formas e isso é comum na vida de todo ser humano. Saiba que o desequilíbrio emocional pode ser causado por diversos fatores acumulados, que geram estresse e te levam ao descontrole, como uma sobrecarga no trabalho, o fim de um relacionamento, ou até um desentendimento familiar. O desequilíbrio emocional não é responsável apenas por alterações de humor constantes mesmo diante de situações rotineiras, ele pode causar também problemas mentais, sentimentais, físicos, dores musculares, dores de cabeça, gastrite, estresse e até mesmo depressão.

5 SINTOMAS DO DESEQUILÍBRIO EMOCIONAL

Problemas para se concentrar: O desequilíbrio emocional pode trazer sérios problemas de concentração, por estar lidando com sentimentos conflitantes. Pode ser difícil se concentrar nas tarefas de casa, do trabalho e nos estudos. A desatenção pode levar à improdutividade, e pode gera cobranças por pessoas próximas. Você pode estar apresentando ansiedade, grandes dificuldades em manter o foco para executar tarefas rotineiras e, como resultado da sobrecarga emocional, podem aparecer sintomas físicos.

Irritabilidade: Pessoas emocionalmente desequilibradas não conseguem lidar com as situações adversas da vida com tranquilidade. Por isso, ao lidar com situações que possam parecer normais do dia a dia, você fica irritada e exaltada. Quem sofre de desequilíbrio emocional age de maneira exagerada a imprevistos. Essa reação é geralmente agressiva, tudo vira motivo para discussões, se exalta facilmente e trata os outros com agressividade. Será que as suas reações ultimamente, condizem com o tamanho dos seus problemas? Tem descontado nas pessoas que te cercam, suas frustrações?

Descontrole: Você apresenta uma convivência difícil no ambiente de trabalho, briga no trânsito, desentende com a família, desentende em seu relacionamento amoroso e briga com os filhos sem motivo. Em conjunto com a irritabilidade está o descontrole. Quem está emocionalmente desequilibrada deixa as emoções falarem mais alto do que a razão e tomam atitudes que seriam moralmente questionáveis, como por exemplo, arrumar briga no trânsito. Se não está conseguindo lidar com algumas situações desagradáveis ou estressantes de maneira tranquila, saiba que é necessário compreender esse estado que está passando, para saber lidar com as emoções.

Dificuldades para dormir: Você está passando noites em claro, refletindo sobre seus problemas ou remoendo situações e emoções negativas. Quem sofre com um desequilíbrio emocional tende a passar noites em claro. Porém, mesmo que tente usar esse tempo acordado para fazer algo produtivo, não consegue, perdendo uma boa noite de sono e, provavelmente interferindo no seu dia. É comum sentir-se muito ansiosa, pensando em muitas coisas o tempo todo, e por isso não consegue dormir mesmo quando está cansada.

Sintomas físicos: A sobrecarga emocional, pode causar sintomas físicos, que é uma forma do seu corpo avisar que a sua mente precisa de cuidados. Os sintomas mais comuns são dor de cabeça, dores musculares e problemas gastrointestinais. O aparecimento de dores físicas é uma das primeiras manifestações do desequilíbrio emocional, as dores corporais, na verdade, são provenientes de todos os outros sintomas, preste atenção nestes sintomas, pois é um sinal de que a sua mente está procurando se manifestar externamente desencadeando doenças psicossomáticas.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

RESENHA - CARTAS A UM JOVEM TERAPEUTA

❤️✅ JOGUE FORA O LIXO EMOCIONAL !

A BUSCA PELA QUALIDADE DE VIDA E BEM-ESTAR EM 7 PASSOS.