❤️✅ VOCÊ PRECISA DECIDIR AGORA!

VOCÊ PRECISA DECIDIR AGORA!

Mesmo quando tudo parece desabar, cabe a você decidir entre rir ou chorar, ir ou ficar, desistir ou lutar, porque a vida é um caminho incerto, e o que é mais importante, é decidir. Você deve decidir como vai viver, porque não vai conseguir escolher quando e como vai morrer. O problema está em não perceber que, diante de um período difícil da vida, dificuldades e obstáculos, tudo vai passar, basta decidir lutar e seguir em frente, nada é definitivo, é apenas um momento. 

A nossa vida é um intervalo entre o nascimento e a morte, o melhor a fazer é aproveitar cada momento, cada acontecimento, cada dificuldade e cada conquista, com aceitação e sabedoria. O melhor é justamente as experiências e os acontecimentos que vivenciamos. Você sempre vai precisar escolher onde vai colocar o seu foco, se vai rir ou chorar, ir ou ficar, desistir ou lutar, lembre-se a vida é passageira e, para atingir os seus objetivos, sejam eles pessoais ou profissionais, é essencial que consiga se manter focado. Ter foco significa ter um objetivo, estabelecer um planejamento, ser organizado e ter persistência para atingir as metas e, alcançar o que pretende. Mas manter-se focado em algo pode ser uma tarefa bem difícil, distrações como a correria do dia a dia, redes sociais, dificultam a concentração. Manter-se focado é necessário, como disciplina e persistência. 

Qual é o seu foco de vida? Muitas de nossas ambições e angústias estão diretamente ligadas ao fato de não sabermos aonde realmente queremos chegar. Pense um pouco, você está em busca dos seus desejos e sonhos, ou estão sendo mascarados por simplesmente não ter a coragem de assumir o que realmente quer. Neste momento surgem as frustrações, as tristezas, e sente aquele vazio que não sabe exatamente de onde vem. Seus desejos e sonhos vão sendo sempre adiados, muitas vezes, por simplesmente não ter a coragem de assumir o que realmente quer, com receio de julgamentos, com isso, seus objetivos, quem quer ser e aonde quer chegar, se perde no meio do caminho, vão ficando esquecidos. 

A vida parece perder o sentido, tudo fica estagnado, nada dá certo, qualquer coisa que escolhe não te dá prazer e, aos poucos, os dias vão passando. De repente, percebe que perdeu muito tempo e, se sente infeliz, ou vivendo uma vida sem sentido, mas se entender que sempre foi definindo a sua vida, de acordo com o que os outros aceitariam, sem nem ao menos ser verdadeiro com seus próprios desejos e sonhos. Comece a identificar o que deixou de viver por medo de críticas e julgamentos. Primeiro, você sabe quem você é? 

Descobrir quem você é vai fazer total diferença na sua vida, pois não pode ser você mesmo, se nem sabe quem é. Se descubra, pense em coisas que gostaria ou não de fazer, de ser e de vivenciar, defina-se, se é otimista ou pessimista? Confiante ou inseguro? Pensar sobre essas definições, vão ajudar você a se encontrar. Permita-se se desenvolver com novas experiências e, isso vai transformar você em quem realmente quer ser. É praticamente impossível transformar sua vida, se gastar o seu tempo se preocupando com o que as pessoas pensam de você. Então procure agir de acordo com aquilo que acredita. Tenha em mente que não há problema em sermos quem realmente gostaríamos de ser. 

Quando isso não acontece, sentimos uma espécie de vazio, parece que está faltando alguma coisa e começamos a procurar formas de preencher esse espaço, seja um novo relacionamento, ou com bens materiais. O problema é que você acredita que esse vazio deve ser preenchido, e não percebe que não está vivendo a vida que sempre sonhou. A vida é feita de ciclos, de evolução, por mais que possa identificar que precisa mudar agora sua vida, muitas vezes fica mergulhado em programações que não são os seu verdadeiros sonhos e desejos. Por viver muito tempo da mesma forma, você acredita que a vida é assim mesmo. 

Não está feliz com ela, precisa encontrar aquilo que realmente quer ser e fazer da sua vida. Sem perceber, acabamos criando necessidades puramente por precisar da validação dos outros. Mas será que essas necessidades são realmente importantes para sentirmos realizados? Vá em busca de seus objetivos, do seu sentido de vida, das suas metas, baseadas nas suas motivações internas, não importa o que os outros vão pensar. Você está fazendo por você, e isso geralmente aumenta muito a sua autoestima, a satisfação pessoal e inevitavelmente, a sua felicidade.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

RESENHA - CARTAS A UM JOVEM TERAPEUTA

VOCÊ É CAPAZ DE VIVER UMA TRANSFORMAÇÃO

ASSUMA UM COMPROMISSO COM VOCÊ MESMO!